Equipe de atletismo do Time Olímpico de Refugiados chega ao Rio de Janeiro

Parte da delegação do Time Olímpico de Refugiados chegou na manhã desta terça-feira no Rio de Janeiro. Em preparação para fazer história nos Jogos Olímpicos, cinco atletas do Sudão do Sul, refugiados no Quênia, que representarão os Refugiados no atletismo, desembarcaram na sede das Olimpíadas.

Paulo Lokoro (1.500 metros), Yiech Pur Biel (800m), James Nyang (400m), Anjelina Nadai (1.500m) e Rose Lokonyen (800m) se juntarão aos nadadores sírios Yusra Mardini e Rami Anis, que já se encontram na Vila Olímpica do Rio, treinando nas instalações do complexo desde esta quinta.

Velocista, Lokoro demonstrou que seu sonho pessoal seria conhecer Usain Bolt, jamaicano bicampeão olímpico nos 100, 200 e 4×100 metros. “Eu quero muito conhecer o Usain Bolt, é alguém que eu só vi pela televisão. Eu espero que ao menos eu possa vê-lo na Vila Olímpica”, afirmou o sudanês ao site do Rio 2016.

“É realmente muito importante, porque eu sei que vou representar milhares de refugiados ao redor do mundo”, afirmou Nadai. “O que eu posso dizer é que não queríamos nos tornar refugiados, mas foi o que aconteceu. Agora queremos fazer algo de positivo pelas pessoas, então talvez essa seja a chance de mostrar ao mundo a causa, para que se tenha cada vez menos refugiados no mundo”, completou a corredora.

Agora falta apenas a chegada do etíope Yonda Kinde, maratonista que vive em Luxemburgo, para completar a equipe olímpica dos refugiados. O atleta tem previsão de chegar já nesta segunda-feira.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s