Firmado acordo de formação acadêmica para treinadores profissionais

A Faculdade Drummond e o Sindicato dos Treinadores Profissionais (Sintrefut) assinaram, nesta terça-feira, 26, acordo de cooperação na formação acadêmica de treinadores profissionais que atuam no Brasil. O convênio, inédito no País, oferecerá aos técnicos a formação superior no curso de Gestão de Futebol, através de bolsas de estudos.

A formação acadêmica de treinadores de futebol é recomendada pela Fifa (Federação Internacional de Futebol), e uma determinação da CBF (Confederação Brasileira de Futebol). Segundo a entidade nacional, até 2020 todos estes profissionais de futebol, para atuarem no País, deverão ter capacitação acadêmica especializada.

“Esse acordo representa um marco importante, não só para a área acadêmica, mas, sobretudo para o futebol, uma vez que o mundo todo está se preparando para capacitar seus treinadores. Essa união, entre a academia e os treinadores, fará com que tenhamos uma nova realidade dentro do futebol brasileiro”, afirma o reitor da Faculdade Drummond, professor Osmar Basílio. “Não temos, ainda no Brasil, um curso que seja equânime para a formação do treinador de futebol. Essa é a primeira iniciativa que entendemos que irá realmente qualificar o treinador”, complementa o presidente do Sintrefut, Marcos Boccatto.

A capacitação de treinadores em curso superior já é uma realidade na Europa, Ásia e América do Norte. Na América do Sul, países como Argentina e Uruguai adotam essa prática. O curso de Gestão de Tecnologia em Futebol da Drummond tem duração de 2 anos e possibilita conhecer técnicas de treinamento esportivo, arbitragem e de gestão voltadas ao futebol, além de trabalhar atividades relacionadas à modalidade esportiva, evidenciando aspectos táticos e físicos de atletas. No escopo da parceria, pessoas vinculadas ao Sintrefut poderão, ainda, ingressar nos cursos de Educação Física e Gestão Desportiva com condições financeiras exclusivas.

O convênio também é um passo na direção do que prevê o Projeto de Lei 7560/14, do deputado José Rocha, em trâmite na Câmara dos Deputados. Caso aprovado, irá regulamentar a Lei do Treinador Profissional de Futebol, de 1993. A proposta permite que trabalhem como técnico de futebol, aqueles profissionais que façam curso de formação de treinadores.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s